segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Avaliação de "Man on The Moon" by Kid Cudi




INTÉRPRETE: Kid CuDi
ÁLBUM: Man on The Moon
GÉNERO: Hip-Hop/Rap/Alternativa
ANO: 2009
LISTA DE TEMAS:
- In My Dreams
- Soundtrack 2 My Life
- Simple As...
- Solo Dolo (Nightmare)
- Heart of a Lion (Kid CuDi ThemeSong)
- My World (Featuring Billy Cravens)
- Day N Nite (Nightmare)
- Sky Might Fall
- Enter Galactic (Love Connection Pt1)
- Alive (Featuring Ratatat)
- CuDi Zone
- Make Her Say (Featuring Kanye West and Lady GaGa)
- Pursuit of Happiness (Featuring MGMT and Ratatat
- Hyyerr (Featuring Chip Tha Ripper)
- Up, Up and Away (The Wake and Bake Song)


Day N Nite... um single que com certeza já devem ter ouvido algures por aí, sem dúvida, um tema que conferiu Kid CuDi alguma da sua fama, mas o que me realmente me impressionou e me fez querer ouvir o álbum de estreia do rapper de Cleveland, foi a sua colaboração com Jaz-Z na fantástica conclusão da mítica série de álbuns "Blueprint" de Jaz-Z (crítica em breve!). Depois reparei num nome de um senhor, creditado de co-produtor, este era Kanye West, que é só o meu artista a solo favorito, e dito isto, Man on The Moon tornara-se um must...
E após o ter ouvido, vou-vos dizer o seguinte: ÁLBUM DO ANO! Kid CuDi consegui revitalizar e pôr em força um género já muito batido que é o Hip-Hop, dando-lhe uma roupagem fresca com sabor a alternativa. Aqui, podem despedir-se de letras demasiado batidas sobre mulheres, dinheiro, carros, gangs ou violência, a sonoridade é muita das vezes bastante descontraída e ritmada, com algumas canções mais sentimentais como "Soundtrack 2 My Life" (uma das melhores) ou "My World", aqui, CuDi fala sobre temas mais profundos e pessoais como a sua juventude, os seus sonhos e um problema que a Humanidade em geral enfrenta, a falta de modelos exemplares. CuDi interpreta um papel de sonhador, com o objectivo de ser "O Homem na Lua", uma óbvia metáfora a um conquistador, mostrando frequentemente pequenos samples que fazem parte de uma narrativa sobre o seu percurso até à "Lua", um pormenor muito bom.
Em termos de listagem, é um dos melhores do ano, com uma excelente música de abertura "In My Dreams", que age como portão de entrada para a parte mais sentimental do álbum, mais solta com a já referida "Soundtrack 2 My Life" e "Simple As", mas é depois de "Day N Nite", que o disco fica mais forte, com músicas bastantes melodiosas como "Alive", "Sky Might Fall" e "Make Her Say" (que, para mim é A música do ano), mas uma coisa comum nessas duas partes é a excelente composição das músicas, Kid Cudi revela ser um excelente artista, quer a nível vocal, quer a composição, um toque alternativo e fresco que vem combinar com rap que já estamos todos habituados, Man on The Moon revela ser uma excelente combinação de ambos.
Resumindo e concluindo... "Man on The Moon" é um excelente álbum para amantes de Hip-Hop e Alternativa e um dos melhores do ano, Kid CuDi cimentou o seu lugar como artista revelação deste ano, com um dos melhores álbuns do ano, simplesmente fenomenal!


Nota: 9.5/10

Sem comentários: