segunda-feira, 11 de maio de 2009

Crítica do filme The Edge / No Limite



IMDb - 6.6/10
Metacritic - N/A
Realização - Lee Tamahori
Género - Acção/Aventura


Se se perdessem numa floresta acham que seriam capazes de sobreviver sozinhos? E se o teu maior inimigo fosse a tua única hipótese de sobrevivência?

É esta a mensagem que o filme The Edge / No Limite pretende transmitir ao espectador; o trabalho em equipa é fundamental para a nossa sobrevivência.

Num filme de 1997, realizado por Lee Tamahori e protagonizado por Anthony Hopkins e Alec Baldwin, The Edge conseguiu surpreender-me, especialmente pela maneira / representação dos actores interagirem. O enredo que gira à sua volta não é nada complexo, mas tem as ideias fundamentais de como seria estar perdido com mais uma pessoa e o teu maior inimigo.

Sim, a única razão para não matares o teu maior inimigo é porque ele é a tua única hipótese de sobrevivência.

Se depois de lerem a crítica ainda pensam que sobreviveriam sozinhos, então aconselho-vos a ver o filme, para ver se mudam de ideias.
Nota: 7/10

1 comentário:

Anónimo disse...

Agradeço a oportunidade, Gostaria de comentar à respeito do personagem de Anthony Hopkins.
Seguindo o parâmetro do raciocínio dos livros que mostram como funciona a mente de pessoas ricas, o bilionário demonstra através dos seus pensamentos e atitudes, que por pior que seja a situação acreditando no pensamento positivo, tendo desprendimento de não se deixar abalar pela situação, à determinação, e a visão de uma mente próspera, dessa maneira pode alcançar seus objetivos, no caso, sobreviver aos revezes daquela experiência ao qual todos sabem sendo o velho quem realmente acaba salvando-os.